A Câmara de Leiria autorizou, esta terça-feira, apoios no valor de 319 mil euros às corporações voluntárias do concelho, mais 119 mil euros que a verba despendida o ano passado.

À agência Lusa, o presidente da autarquia, Raul Castro, disse que este é o «valor possível», salientando que, apesar do contexto económico, o município conseguiu aumentar a verba na área da proteção civil, neste caso, para os bombeiros voluntários do concelho.

«Gostaríamos que nada faltasse aos bombeiros, mas, neste momento, não é possível disponibilizar mais», adiantou Raul Castro, eleito pelo PS.

Numa nota de imprensa, a autarquia informa que o apoio para o desenvolvimento de atividades ao longo deste ano contempla a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Leiria (163.000 euros), a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Ortigosa (51.800 euros) e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Maceira (74.900 euros).

Também contempladas com esta medida estão a Associação dos Amigos dos Bombeiros Voluntários da Secção Sul de Leiria (15.000 euros) e a secção de Monte Redondo dos Voluntários de Leiria (15.000 euros).