A operação no Aeroporto da Madeira – Cristiano Ronaldo, que esteve condicionada desde a passada sexta-feira devido ao vento, decorreu esta terça-feira com “toda a normalidade”, informou a ANA - Aeroportos de Portugal.

“Ao final do dia de hoje a operação está normalizada”, disse à agência Lusa fonte da concessionária.

A mesma fonte adiantou que eventuais cancelamentos de voos ocorridos hoje “não têm a ver com problemas relacionados com a meteorologia”, referindo serem decisões das companhias aéreas.

Um destes casos foi a Transavia que optou por fazer um dos voos diretamente para a ilha do Porto Santo, completando a viagem com ligação marítima para a Madeira.

“Posso antecipar que as previsões meteorológicas vão continuar a melhorar até ao final da semana”, complementou, realçando que a situação está "normalizada".

O Aeroporto Internacional da Madeira tinha hoje previsto mais de 50 movimentos, figurando como canceladas na página da ANA oito chegadas até às 17:50.

Os fortes ventos que se fazem sentir na zona do principal aeroporto do arquipélago da Madeira, no extremo leste da ilha, provocaram desde sexta-feira o cancelamento de mais de 100 voos, afetando cerca de 15 mil passageiros, segundo um balanço feito na segunda-feira à tarde pela ANA.