Foi assassinado, esta terça-feira, um comerciante português em Caracas. Manuel da Conceição tinha 60 anos de idade e era proprietário de uma padaria. Foi assassinado a tiro por três motociclistas armados, disseram à agência Lusa fontes da comunidade portuguesa local.

O homicidio ocorreu em San Bernardino, no centro de Caracas, pelas 06:00 locais (11:30 em Lisboa), quando se dirigia ao seu estabelecimento comercial, a conhecida padaria Lamedor Dely.

No trajeto entre a residência e a padaria, o comerciante foi intercetado por três indivíduos armados que o terão tentado assaltar, atingindo-o com quatro tiros, no interior da sua viatura.

O crime está a ser investigado pelo Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (Cicpc, antiga Polícia Técnica Judiciária).

As autoridades suspeitam que o comerciante terá oposto resistência ao roubo.

Na Venezuela, são frequentes as queixas dos cidadãos sobre a falta de segurança, situação que afeta tanto cidadãos nacionais como estrangeiros radicados no país.