O Governo aprovou esta quinta-feira a desafetação do domínio público militar de 250 metros quadrados do Bairro Social do Alfeite, em Almada, à Paróquia da Igreja da Sagrada Família de Miratejo-Laranjeiro, por 11350 euros.

Em conferência de imprensa, no final do Conselho de Ministros, o ministro da Presidência, Marques Guedes, disse que esta «desafetação do domínio militar de uma parcela de terreno com a área de 250 metros quadrados, parte integrante do estabelecimento militar do Alfeite», foi decidida «por forma a permitir obras de requalificação» na referida igreja, que está «em algum estado de degradação», mediante «uma contrapartida financeira da ordem dos 11 mil euros».

Segundo o comunicado do Conselho de Ministros, «esta decisão visa travar o aumento da degradação do edifício da igreja, bem como do equipamento nela instalado, o que só é possível com ampliação do logradouro».

O mesmo comunicado refere que está em causa um terreno «integrante do Bairro Social do Alfeite, freguesia do Laranjeiro, concelho de Almada» e que «a alienação é feita mediante a contrapartida financeira no montante de 11350 euros».