A Polícia Judiciária esteve, esta quinta-feira, no empreendimento de turismo Vale do Lobo, no Algarve, a realizar buscas, confirmou a TVI.
 
Ao que a TVI apurou, as diligências fazem parte da operação Marquês, que investiga o ex-primeiro-ministro José Sócrates, mas não foi realizada qualquer detenção.
 
A administração do Vale do Lobo confirmou à TVI que a Polícia Judiciária esteve no local e que em causa estava documentação relacionada com antigos fornecedores.
 
No âmbito da Operação Marques está detido desde novembro do ano passado no Estabelecimento Prisional de Évora o ex-primeiro-ministro José Sócrates, indiciado por corrupção, fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais. 

O processo tem também como arguidos João Perna, ex-motorista de José Sócrates, o empresário Carlos Santos Silva, o advogado Gonçalo Trindade Ferreira e o administrador da farmacêutica Octapharma Paulo Lalanda Castro.