A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta sexta-feira a detenção de seis homens e de uma mulher pela presumível autoria dos crimes de sequestro, roubo, ameaça e coação agravados, revelando ainda que lhes apreendeu armas e munições.

Os factos que estiveram na origem da operação policial ocorreram na madrugada de 04 de maio, entre as localidades de Gondomar e Vila Nova de Famalicão.

Em comunicado, a PJ/Norte explica que os arguidos, com idades entre 21 e 43 anos, «terão sequestrado um homem e duas mulheres, agredindo-os fisicamente e retirando-lhes dois telemóveis e uma pequena quantia em dinheiro».

Depois, e ainda segundo o relato policial, os arguidos «introduziram o homem no interior de uma viatura automóvel, com a qual circularam durante uma hora, até à localidade de Vila Nova de Famalicão».

Libertaram-no «quando localizaram uma outra viatura automóvel alegadamente subtraída à líder do grupo», acrescenta.

A lista de apreensões então efetuadas pela PJ inclui sete armas de fogo em situação aparentemente ilegal, designadamente duas caçadeiras, uma carabina de calibre 22 e uma pistola 9 milímetros, cerca de mil munições de vários calibres e uma soqueira.