Um carro de matrícula espanhola foi abandonado em Vila do Conde, com suspeitas de conter explosivos. As autoridades já verificaram que o veículo não representa nenhuma ameaça.
 
O veículo estava a trabalhar e a população, apreensiva, chamou as autoridades que foram no local para verificar se o carro estava armadilhado.

De acordo com a GNR, tratava-se de um carro roubado. Um homem foi visto a abandonar no local, deixando para trás a viatura a trabalhar.

«Tomámos as diligências necessárias para a abertura da viatura e fazer a despistagem de explosivos», afirmou o tenente coronel Silva Ferreira da GNR do Porto.

A população foi surpreendida por todo o aparato e alguns moradores foram mesmo impedidos de entrar em casa.

«Por precaução, a polícia não nos deixa entrar», contou um dos moradores à TVI24.