O pescador que desapareceu na sexta-feira num naufrágio junto à Fonte da Telha, na Costa da Caparica, concelho de Almada, ainda não foi encontrado, informou hoje fonte da capitania do Porto de Lisboa, que reforçou as operações de busca.

Contactado pela Lusa, o comandante Vieitas Ruivo, da capitania do Porto de Lisboa, disse que as buscas decorreram durante toda a noite, tendo mobilizado uma lancha da Marinha, uma embarcação da Polícia Marítima, meios terrestres e também um helicóptero da Força Aérea.

O naufrágio tinha sido comunicado à Lusa na sexta-feira à noite pelo Comando Nacional de Operações de Socorro da Proteção Civil, dando conta que este ocorrera perto da praia da Fonte da Telha, às 22:22.

A embarcação de arte xávega, que navegava com cinco tripulantes a bordo, foi recuperada durante a noite bem como as redes piscatórias, adiantou Vieitas Ruivo.

Dos cinco pescadores que se encontravam na embarcação, dois nadaram para terra e os outros dois foram resgatados por embarcações de arte xávega que se encontravam a operar no local.

O comandante disse ainda que as buscas vão continuar e que foram reforçados os meios envolvidos nas operações, tendo sido mobilizadas motas de água da Proteção Civil e outra lancha da Marinha, além dos que já estavam no terreno.