Os encarregados de educação da Escola Primária de Penilhos, em Mértola, exigem que uma professora da escola seja expulsa.

Os pais garantem ter encontrado um vídeo pornográfico da docente na Internet e não têm dúvidas de que foi filmado na sala de aulas.

A mulher terá utilizado material pedagógico da escola em vídeo pornográfico filmado num corredor da escola.