Os jovens católicos dos países de língua portuguesa que se encontram no Rio de Janeiro para participar da 28ª Jornada Mundial da Juventude juntam-se hoje numa «Lusofesta» para partilhar culturas e celebrar o idioma comum.

O evento, que deverá contar com cerca de mil jovens, foi convocado pela Pastoral Juvenil da Conferência Episcopal Portuguesa e espera reunir peregrinos de todos os oito países da língua portuguesa.

As delegações de Angola, Moçambique e São Tomé e Príncipe, além de Brasil e Portugal, já haviam confirmado presença na segunda-feira, de acordo com a organização.

A grande festa lusófona pretende, em primeiro lugar, ser um espaço de comunhão entre os próprios jovens, mas também de apresentação entre peregrinos e bispos, além de um momento para o conhecimento recíproco de suas culturas.

O evento prevê a realização de uma oração mariana pelos jovens portugueses, concertos e apresentações de teatro.

Haverá ainda um momento para depoimentos de portugueses no Rio de Janeiro, entre eles o cônsul-geral de Portugal no Rio de Janeiro, Nuno Bello, e o ator Ricardo Pereira, e de descentes de portugueses como a chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Martha Rocha.

Cerca de 250 jovens portugueses chegaram ao Rio de Janeiro há uma semana, onde participaram da semana missionária, com atividades preparatórias para a Jornada.