Um casal alemão apresentou-se esta quarta-feira à polícia na Ribeira Brava, ilha da Madeira, após ter sido dado como desaparecido durante a tarde de terça-feira, no fim de um percurso pedonal.

Os turistas alemães pediram boleia e deslocaram-se à esquadra da PSP na Ribeira Brava, disse fonte dos Bombeiros do concelho à Lusa.

A Proteção Civil informou que o casal já está no Funchal e que se encontra bem.

O responsável da Proteção Civil da Madeira, Luís Néri, adiantou que o alerta foi dado por um taxista, que «tinha combinado recolher o casal de turistas pelas 18:00» de terça-feira, depois de terminarem um percurso em zona de serra entre a Encumeada e o Folhadal, atravessando os concelhos de S. Vicente e Ribeira Brava.

A Proteção Civil havia suspendido as buscas ao final da tarde desta quarta-feira, devido à fraca visibilidade.

Artur Fernandes, o responsável da corporação de bombeiros de S. Vicente, referiu que «as duas pessoas têm entre os 25 e os 30 anos, e estão acostumadas a fazer caminhadas».