O proprietário de um restaurante em Braga destruiu o frigorífico da Pepsi depois de uma campanha ofensiva da marca visando Cristiano Ronaldo.

O vídeo publicado no YouTube mostra um homem a descarregar toda a fúria no eletrodoméstico, chegando mesmo a usar uma marreta para o conseguir.

A polémica publicidade da Pepsi sueca, divulgada antes do segundo jogo do play-off de Portugal com a Suécia, mostrava um boneco com a camisola do goleador português Cristiano Ronaldo na Seleção esmagado por uma lata ou amarrado numa linha de comboio.

A marca de refrigerantes já pediu desculpas ao jogador e a Portugal.