O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, enviou esta sexta-feira as condolências à família do português Afonso Tiago, que tinha desaparecido em Berlim a 10 de Janeiro e cujo corpo foi esta manhã descoberto no rio Spree.

Segundo uma fonte da Presidência da República, Cavaco Silva recebeu a informação de que tinha sido descoberto um corpo no rio Spree ainda durante a manhã, logo que as autoridades judiciais alemãs informaram as autoridades portuguesas.

Ainda de acordo com a mesma fonte, seguiu-se depois o processo de identificação do corpo e, assim que chegou a confirmação de que se tratava de Afonso Tiago, a embaixada avisou a família do investigador.

O Presidente da República enviou depois uma mensagem de condolências à família.