Os bombeiros conseguiram recolher na quarta-feira o corpo que deu à costa no concelho do Nordeste, ilha de São Miguel, mas ainda não foi possível fazer a sua identificação, disse o capitão do porto de Ponta Delgada.

«A operação foi concluída cerca das 22:00 locais [23:00 de Lisboa] e o corpo foi enviado para o Instituto de Medicina Legal de Ponta Delgada, onde será autopsiado», acrescentou Matos Nogueira, frisando que «não foi possível fazer a sua identificação» aquando da recolha.

O corpo foi avistado durante a tarde de quarta-feira na Achadinha, concelho do Nordeste, por «um popular que ia para a pesca», disse ainda, em declarações à agência Lusa.

O corpo foi recolhido pelos bombeiros da Ribeira Grande e do Nordeste.

As autoridades admitem que se trate de um pescador desportivo, de 42 anos, que desapareceu no primeiro dia do ano nos Fenais da Luz, em São Miguel, Açores.

Na altura, foram desencadeadas buscas, mas sem sucesso, tendo sido apenas encontrados os pertences do pescador.