Um operário ficou esta sexta-feira ferido com gravidade, em Trancoso, quando executava trabalhos numa vala onde ocorreu um incêndio numa conduta de gás, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda.

O acidente ocorreu pelas 15:00, na zona de Quinta do Conde, na área urbana de Trancoso, «quando uma máquina em trabalhos na via pública rebentou uma conduta de gás», referiu a fonte.

O trabalhador sofreu ferimentos graves e foi transportado de helicóptero para os Hospitais da Universidade de Coimbra, segundo o CDOS.

O segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Trancoso, João Paixão, disse à Lusa que o ferido «encontrava-se no interior da vala, junto do balde da máquina» que estava envolvida nos trabalhos.

«Quando a máquina cortou o tubo do gás ocorreu o incêndio e o homem foi apanhado» pelas chamas, referiu o responsável.

A vítima, com cerca de 35 anos, apresentava «queimaduras corporais na casa dos 20 por cento» e terá ficado «com as vias respiratórias afetadas», disse João Paixão.

No local do acidente estiveram, entre outros meios de socorro, os Bombeiros Voluntários de Trancoso com 11 homens e três viaturas.