Um turista de nacionalidade russa foi encontrado morto na praia Formosa, no concelho do Funchal, segundo um comunicado da Capitania do Porto do Funchal, divulgado este sábado.

De acordo com a Capitania, o Subcentro de Busca e Salvamento do Funchal foi alertado pelo Serviço Regional de Proteção Civil para a existência de um «corpo inanimado a boiar em frente ao hotel Pestana Bay».

«De imediato, o corpo foi resgatado da água sem sinais vitais pelo nadador salvador que se encontrava de serviço no Complexo Balnear da Doca do Cavacas, foram efetuadas manobras de reanimação, sem sucesso, pelos nadadores salvadores e pela EMIR (Equipa Médica de Intervenção Rápida)», lê-se no comunicado que a Lusa cita.

A vítima é um indivíduo do sexo masculino, com 63 anos de idade, de nacionalidade russa, que se encontrava de férias na Madeira acompanhado pela mulher.

Após a confirmação do óbito, apesar de a causa ser ainda desconhecida, o Ministério Público autorizou a remoção do corpo para o Gabinete do instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses do Funchal.

A Polícia Marítima do Funchal tomou conta da ocorrência.