O navio de patrulha oceânico Viana do Castelo, da Marinha Portuguesa, realizou esta segunda-feira uma nova operação de salvamento marítimo no Mar Mediterrâneo, resgatando 122 pessoas de uma embarcação a 65 milhas da norte de Tripoli.

Num comunicado divulgado hoje, a Armada refere que esta ação dos militares portugueses se desenrolou no âmbito da operação "Triton 2014", levada a cabo pela FRONTEX (Agência responsável pela Gestão e Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia).

O Viana do Castelo está a participar desde o início de novembro nesta missão da União Europeia a sul da costa italiana, que tem como objetivo controlar os fluxos migratórios procedentes do norte de África.

Na passada sexta-feira, o navio da Marinha Portuguesa já tinha resgatado 201 pessoas que se encontravam a bordo de uma embarcação ao largo de Tripoli, capital da Líbia.