As autoridades suíças e brasileiras detiveram três pessoas e apreenderam no fim de semana 60 mil comprimidos de 'ecstasy' e um quilograma de cocaína, droga que que transitou pelo Aeroporto Internacional de Lisboa, de acordo com a Polícia Judiciária.

Em comunicado, a PJ adianta que a Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes participou em duas operações distintas de combate ao tráfico internacional de droga por via aérea, juntamente com as autoridades policiais brasileiras e suíças, que resultou na apreensão, fora de Portugal, de produtos estupefacientes que transitaram pelo Aeroporto Internacional de Lisboa.

Numa das operações, as autoridades brasileiras apreenderam, no Rio de Janeiro, cerca de 60 mil comprimidos de 'ecstasy', que foram transportados no interior de uma mala de viagem a partir de um país da Europa Central por um homem, de 34 anos, que foi detido.

Na outra ação policial, as autoridades suíças apreenderam cerca de um quilo de cocaína, que foi transportada para Genebra a partir de um país da África Ocidental, tendo sido detidos três homens, com idades entre os 21 e os 52 anos.

A participação da PJ, explica o comunicado, insere-se no quadro de cooperação policial com as autoridades de diversos países e organizações internacionais no domínio do combate ao tráfico ilícito de estupefacientes.