Um homem de nacionalidade estrangeira foi detido no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, com 17 quilogramas de ecstasy, a maior apreensão deste produto em aeroportos portugueses nos últimos cinco anos, anunciou a Polícia Judiciária.

Em comunicado, a PJ refere que a quantidade de estupefaciente MDMA/'ecstasy' apreendido corresponde a “cerca de 40.000 comprimidos”, sem precisar quando ocorreu a operação realizada por agentes da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE).

O detido é um jovem de 18 anos que já foi presente às autoridades judiciais, que lhe decretaram prisão preventiva como medida de coação.

A quantidade de produto apreendido “constitui a maior apreensão de ecstasy em aeroportos nacionais nos últimos cinco anos”, lê-se na nota da PJ.