Atualizado às 16:50

Uma plataforma elevatória caiu hoje no Porto de Leixões, ferindo gravemente dois trabalhadores, disse à agência Lusa uma fonte da capitania do Porto de Leixões.

Segundo a mesma fonte, os dois homens, com 33 e 34 anos, estavam a trabalhar no terminal de cruzeiros do Porto de Leixões, quando a plataforma elevatória onde se encontravam caiu.

Os dois homens estão em «estado grave» e foram socorridos pelas viaturas do INEM, que os transportaram ao Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos.

De acordo com uma fonte do INEM, as vítimas sofreram um traumatismo cranioencefálico e dores lombares, sendo que o trabalhador com 33 anos tem ainda um trauma na perna esquerda.

Em declarações à Lusa, o vogal do conselho de administração da Administração dos Portos do Douro e Leixões (APDL) Braga da Cruz, que esteve no local do acidente, explicou que durante a montagem dos envidraçados no último piso do terminal de cruzeiros do Porto de Leixões estavam dois trabalhadores em cima de uma plataforma elevatória.

«A plataforma rodou e tombou para o lado de dentro do edifício tendo os dois operários sido arrastados e caído de uma altura de cerca de seis metros», relatou.

Braga da Cruz disse ainda que os dois operários foram assistidos no local e foram depois transportados ao hospital, estando a APDL preocupada com a situação dos trabalhadores, esperando que recuperem rápido.

Sobre as causas do acidente, o responsável disse que estas são ainda desconhecidas, não competindo à APDL esse apuramento, estando já a decorrer um inquérito.

Ao local foram ainda a Polícia Marítima e uma ambulância dos Bombeiros Voluntários de Matosinhos/Leça.