Sete concelhos de Portugal continental apresentam esta terça-feira risco elevado de incêndio, divulgou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O distrito de Faro, com quatro, é o que apresenta mais concelhos em risco: Monchique, Sines, Loulé, Alcoutim.

Odemira, no distrito Beja encontra-se também sob risco elevado de incêndio, o terceiro de uma escala de cinco.

Mação, em Santarém, e Idanha-a-Nova, em Castelo Branco, são os restantes concelhos em risco elevado de incêndio.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, variando entre reduzido e máximo.

O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 de cada dia, relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

A ilha da Madeira e as ilhas do grupo central e oriental dos Açores estão sob aviso amarelo, de acordo com o IPMA.

Depois de ter estado sob aviso vermelho entre as 00:00 e as 06:00, a ilha da Madeira passou a amarelo até às 09:00, para chuva e aguaceiros, que podem ser por vezes fortes, mantendo ainda o aviso amarelo para a persistência de valores elevados da temperatura máxima até às 20:00 de hoje, que atinge os 27 graus Celsius.

Estes avisos são extensivos à ilha do Porto Santo.

O IPMA prolongou também o aviso de mau tempo para sete ilhas dos Açores - Santa Maria, São Miguel, Pico, Faial, Graciosa, São Jorge e Terceira - até às 12:00 de hoje.

Na segunda-feira, a Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC) registou 11 incêndios, que foram combatidos por 158 bombeiros, com o apoio de 38 veículos.

O IPMA prevê para hoje céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se temporariamente muito nublado durante a tarde. Prevê-se ainda a possibilidade de ocorrência de aguaceiros durante a tarde, em especial no litoral Norte e Centro. O vento tende a soprar em geral fraco (inferior a 20 km/h) predominando do quadrante sul.

Quanto às temperaturas, Beja será a cidade mais quente com 32 graus celsius, Évora com 30º, Leiria, Castelo Branco e Portalegre a chegar aos 29º, Braga aos 28º, Bragança, Viana do Castelo e Funchal aos 27º, Porto aos 26º e Lisboa, Faro e Sines aos 25º.

Bombeiros da Madeira sem pedidos de ajuda apesar de aviso vermelho

As várias corporações de bombeiros da Madeira informaram ter tido hoje de noite uma noite calma, sem saídas dos quartéis relacionadas com a chuva, apesar de a ilha ter estado sob aviso vermelho por forte precipitação.

Contactadas pela agência Lusa, as várias corporações de bombeiros não registam pedidos de ajuda, nem foram chamadas para intervir em qualquer situação devido a problemas provocados pela precipitação.

Também no aeroporto da ilha da Madeira as operações decorrem normalmente.