Os distritos da Guarda, de Bragança e de Vila Real encontram-se hoje sob aviso amarelo devido ao risco de persistência de valores baixos da temperatura mínima, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo o instituto, as temperaturas mínimas esperadas para hoje são de -4 graus Celsius, em Bragança, e -1 grau Celsius, em Guarda e Vila Real.

O IPMA colocou igualmente sob aviso amarelo o arquipélago da Madeira, devido ao risco de fortes rajadas de vento e períodos de chuva e aguaceiros acompanhados de trovoada.

O Grupo Ocidental do arquipélago dos Açores está também sob aviso amarelo, devido ao perigo de agitação marítima, com uma previsão de ondulação superior a seis metros de altitude.

O aviso amarelo é o segundo menos grave de uma escala de quatro e revela situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O IPMA prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, tornando-se muito nublado a partir da manhã, no Algarve, e a partir da tarde no Alentejo, onde há possibilidade de ocorrência de aguaceiros fracos.

O vento vai soprar fraco a moderado do quadrante leste, sendo esperada formação de geada, em especial no interior.

As temperaturas mínimas vão oscilar entre -4 graus Celsius (em Bragança) e os 6 (em Faro) e as máximas entre os 9 (na Guarda) e os 19 (em Santarém).

Mau tempo no arquipélago da Madeira

O Serviço Regional de Proteção Civil (SRPC) informa hoje que, segundo o Comando Regional de Operações de Socorro e o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), está previsto para os próximos dias mau tempo no arquipélago da Madeira.

O SRPC adianta que o estado do tempo no arquipélago da Madeira será condicionado por vastas depressões frontais ativas, em particular no domingo e durante terça-feira e quarta-feira.

Assim, estão previstos para domingo períodos de chuva ou aguaceiros temporariamente fortes e acompanhados de trovoada, vento forte a muito forte (45 a 60 quilómetros hora) de oeste, com rajadas que poderão ser da ordem dos 100 quilómetros hora nas regiões costeiras e nas regiões montanhosas e ondas de sudoeste de quatro a cinco metros, em especial na costa sul da Madeira.

Para terça e quarta-feira, as previsões apontam para períodos de chuva ou aguaceiros temporariamente fortes acompanhados de trovoada, vento forte a muito forte (45 a 60 quilómetros hora) de oeste, com rajadas que poderão ser da ordem dos 100 a 120 quilómetros hora e ondas de sudoeste de quatro a cinco metros, em particular na costa sul, aumentando gradualmente para valores da ordem dos seis metros até quarta-feira.

Nos dias mais críticos, o SRPC alerta para que a altura máxima das ondas poderá ser superior a sete metros.

Face a estas previsões, o SRPC aconselha a população a tomar as devidas precauções e estar atenta aos avisos meteorológicos.