A Federação Nacional dos Sindicatos de Enfermagem (FENSE) decidiu suspender a greve que tinha agendada para a semana de 31 de julho a 4 de agosto.

A decisão, anunciada pela FENSE na sua página da Internet, esta sexta-feira, surge depois de os enfermeiros e o Governo terem chegado a um acordo para uma base negocial.

A FENSE reuniu-se na quinta-feira com os ministros da Saúde e das Finanças e com os secretários de Estado. Do encontro saiu um acordo que estabeleceu uma base negocial, aceite pelo ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes.

As negociações finais para um novo contrato coletivo de trabalho terão início na segunda-feira.