A localidade de Sobral da Lagoa, no concelho de Óbidos, está sem abastecimento de água devido a uma rutura numa conduta desde a manhã desta segunda-feira, informou a Câmara Municipal.

«A Câmara está a tentar identificar a localização da rutura para a poder reparar, mas até ao final do dia de hoje não foi possível repor o abastecimento de água», disse à agência Lusa Catarina Canha, engenheira do Ambiente na câmara de Óbidos.

A rutura na conduta está a afetar a povoação de Sobral da Lagoa onde, segundo a mesma técnica, «metade dos 440 habitantes não têm água».

Para diminuir o incómodo causado a Câmara disponibilizou durante o dia as instalações do Estádio Municipal, para que «as pessoas pudessem tomar banho e encher recipientes com água».

As mesmas instalações continuarão a ser disponibilizadas até que o abastecimento seja reposto, embora com a condicionante de encerrarem às 20:00.

A rutura afeta ainda as localidades de Amoreia e Vau, onde ao longo do dia «houve cortes pontuais para tentar identificar a origem do problema». Catarina Canha assegurou que o restabelecimento do abastecimento a todas as casas, com a ajuda dos bombeiros de Óbidos e de Peniche, que estão a encher os depósitos destas localidades através de camiões cisterna.