"Para o SNBP, esta situação é muito grave, porque poderá colocar em causa a segurança de pessoas e bens e o profissionalismo e eventualmente a imagem dos bombeiros da AHBVE", lê-se no comunicado do Secretariado Regional do Norte do SNBP enviado à Lusa.



"Por esta razão, o recurso a trabalhadores sem formação adequada para assegurar a escala noturna, é uma opção da direção da AHBVE", refere a nota.