A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, esta sexta-feira, que deteve três homens e uma mulher suspeitos do crime de extorsão com recurso a arma de fogo sobre os proprietários de um estabelecimento comercial no concelho de Sintra.

Os três homens e uma mulher, com idades entre os 30 e os 46 anos, foram identificados e detidos por elementos da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo da PJ na sequência de investigações realizadas desde janeiro.

De acordo com informação da PJ, os suspeitos possuem «um negócio de fornecimento de máquinas de jogo a espaços comerciais» e, no prosseguimento de anteriores relações com os proprietários de um estabelecimento, exigiram-lhes «o pagamento injustificado e indevido de várias quantias».

As vítimas do esquema de extorsão foram coagidas pelos suspeitos a efetuar os pagamentos sob a ameaça de uma arma de fogo, de tipo não especificado.

Os quatro detidos, «indiciados pela prática de crime de extorsão, cometido com recurso a arma de fogo», vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidos como adequadas durante a realização do inquérito.