Um professor primário, de 44 anos, foi detido por suspeita de abuso sexual de crianças, informa a Polícia Judiciária nesta quinta-feira.

O docente do 1.º ciclo, que no ano passado esteve colocado num colégio de Setúbal, terá abusado das alunas em "ambiente escolar", indica a autoridade.

Além de "abuso sexual de crianças agravado", sobre o homem recaem, ainda, "fortes indícios da prática do crime de gravações ilícitas".

Segundo a PJ, neste momento, "o número total de vítimas é indeterminado", sabendo-se, porém, que se terá aproveitado "da relação próxima e da fragilidade das alunas, menores de 10 anos, para delas abusar sexualmente".

No âmbito de uma busca domiciliária foram-lhe apreendidos diversos suportes informáticos, contendo vídeos realizados em locais públicos, em que o objeto das filmagens se centra em crianças do sexo feminino", divulga, ainda, a autoridade.

O detido será presente a primeiro interrogatório judicial, para aplicação das medidas de coação.