"Não foi detetado qualquer engenho explosivo e a operação de verificação foi dada por concluída pouco depois das 14:00", disse à Lusa o Tenente-coronel Jorge Goulão, adiantando que a escola já foi reaberta.