Uma mulher, de 43 anos, foi detida no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, por suspeita da prática do crime de tráfico de estupefacientes, informou hoje o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Em comunicado, o SEF adiantou que a mulher, de nacionalidade estrangeira, foi intercetada à chegada do território nacional quando estava a ser feito o controlo documental aos passageiros de um voo proveniente do Brasil.

Suspeita de transportar produtos estupefacientes no seu organismo, [a mulher] confirmou que havia engolido 23 cápsulas de cocaína líquida”, adianta o SEF.

Na nota, o SEF informou ainda que a mulher foi entregue “às autoridades competentes”.

Os suspeitos de tráfico de droga dentro do organismo são conhecidos na gíria policial e criminal como "mulas".