O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, num centro comercial da zona de Lisboa, um homem que trocou de identidade e nacionalidade para tentar permanecer em Portugal, após ter sido expulso.

Em comunicado, o SEF adianta que o homem, de 45 anos, foi expulso do país em 2013 e, como medida cautelar, foi-lhe imposta a interdição de entrada em Portugal durante quatro anos.

Para permanecer no país sem ser detetado pelas autoridades, trocou de identidade e nacionalidade, mas o SEF conseguiu localizar o homem e proceder à sua detenção.

Segundo o SEF, o homem já foi presente a tribunal, que determinou a sua colocação num Centro de Instalação Temporária até ao seu afastamento do país.