O conselho de administração do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo anunciou, esta quinta-feira, que aceitou a demissão do diretor da Unidade de Oncologia, Jorge Espírito Santo, e referiu que está a efetuar diligências para a sua substituição.

"O responsável da Unidade de Oncologia do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo, Dr. Jorge Espírito Santo, solicitou a cessação das respetivas funções. Após um período de reflexão e de diálogo com o referido responsável, o conselho de administração decidiu aceitar o seu pedido", refere o centro hospitalar em comunicado.

Jorge Espírito Santo tinha já confirmado à Lusa que estava demissionário.

De acordo com a Lusa, a acompanhar o pedido de demissão seguiu para o conselho de administração do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo uma carta a explicar as razões desta posição, que já é do conhecimento do bastonário da Ordem dos Médicos.

A Ordem mostrou-se “muito preocupada” com a resposta aos doentes na instituição da margem sul do Tejo.

A administração do Centro Hospitalar Barreiro-Montijo, liderada por Silveira Ribeiro, refere que está a procurar um substituto.

"Decorrem atualmente as diligências necessárias à substituição do Dr. Jorge Espírito Santo, que se mantém, entretanto, no exercício das funções de responsável pela Unidade de Oncologia", salienta.

A administração garante ainda que aos utentes da Oncologia que irá manter os padrões de exigência na prestação dos serviços.

"Importa garantir aos utentes da Unidade de Oncologia, e à população em geral, que a qualidade dos serviços prestados, bem como os tempos de resposta e o funcionamento da unidade, continuarão a pautar-se pelos padrões de exigência que têm sido apanágio deste serviço e orgulho desta instituição", refere.