Um novo estudo afirma que beber três chávenas de chá preto por dia pode ajudar a prevenir a osteoporose. Os cientistas dizem ainda que pode ajudar a reduzir o risco de fraturas.
 

“O chá preto e a cafeína sempre foram associados à fragilidade óssea e à redução da absorção de cálcio. No entanto, este estudo vem comprovar que, se for um consumo moderado, associado a uma alimentação saudável, acaba por ajudar,  devido aos flavonoides, um antioxidante potente, que ajuda na saúde óssea”, esclareceu a nutricionista Liliana Barros, à TVI.


Esta é uma boa alternativa para evitar a desidratação e o leite, que tem sido associado ao desenvolvimento de algumas doenças, nos últimos anos.

A investigação garante ainda que, por cada chávena de chá, por dia, o risco de fraturas nos ossos diminui 9%.

Contudo, Liliana Barros garante que “não devemos levar estes estudos ao extremo e pensar que consumir grandes quantidades de chá preto pode ser benéfico”. A nutricionista aponta que o efeito pode até ser o contrário, em especial para as pessoas que tenham outros problemas de saúde.
 

“Beber mais que três chávenas pode ser contraproducente, por causa da cafeína. Pode ter um efeito negativo, tanto na absorção de cálcio como ao nível estimulante. Pessoas com tensão arterial elevada, taquicardia, insónias devem ter alguma moderação no consumo de chá preto”.


A especialista acrescenta ainda que, para maximizar a absorção de cálcio, as pessoas devem evitar consumir esta bebida durante as refeições principais.