Notícia atualizada às 10:28 de quinta-feira

O Ministro da Administração Interna ofereceu esta noite ao seu homólogo espanhol toda a ajuda e cooperação de Portugal perante o trágico acidente ferroviário ocorrido em Santiago de Compostela.

Fontes do Ministério do Interior espanhol explicaram à agência Efe que Miguel Macedo manteve uma conversação telefónica com Jorge Fernández Días para colocar à sua disposição a ajuda que Espanha necessitar.

Contactada pela tvi24.pt, fonte do Ministério da Administração Interna não confirmou esta informação devido à hora tardia, mas acrescentou que será natural que tenha sido oferecida esta ajuda, até porque os dois ministros têm uma relação próxima e Jorge Fernández Días esteve ainda este mês em Portugal.

Durão Barroso expressa «profunda tristeza»

O presidente da Comissão Europeia enviou esta quinta-feira uma mensagem de condolências ao chefe do Governo espanhol, na qual expressa a sua «profunda tristeza pelo terrível acidente de comboio» que ocorreu na noite passada, muito perto de Santiago de Compostela.

Na missiva enviada a Mariano Rajoy, e divulgada em Bruxelas, José Manuel Durão Barroso diz-se particularmente emocionado dada «a gravidade do acidente, a morte de tantas pessoas e o número de feridos numa tragédia para a Espanha e para a Galiza», e acrescenta que, «nestas circunstâncias tão difíceis», se sente «muito próximo de todos os espanhóis».

«Em meu nome e em nome de toda a Comissão, faço-te chegar os nossos mais sentidos pêsames, assim como toda a nossa solidariedade e apoio às famílias dos falecidos e aos feridos», conclui o presidente do executivo comunitário na mensagem enviada a Rajoy, que hoje de manhã rumou ao lugar do acidente.