Um praticante de parapente, de nacionalidade russa, com cerca de 50 anos, que caiu no mar junto à costa em São Vicente, na Madeira, na quarta-feira, foi resgatado com pequenas escoriações, informou a Autoridade Marítima Nacional.

Em comunicado, foi detalhado que, depois do alerta do Serviço Regional de Proteção Civil (SRPC), feito cerca das 17:24 de quarta-feira, foi “empenhada uma embarcação salva-vidas da Capitania do Porto do Funchal, outra do Sanas-Madeira, o NRP “Schultz Xavier” da Marinha, (um helicóptero) EH-101 da Força Aérea e dois Agentes do comando local da Polícia Marítima do Funchal”.

A operação foi coordenada pelo capitão do porto e comandante local da Polícia Marítima do Funchal, em articulação com o Subcentro de Busca e Salvamento Marítimo e o SRPC.

Ainda segundo a Autoridade Marítima Nacional, depois de o homem ter sido localizado "num calhau”, os socorristas “confirmaram a necessidade de evacuação através de resgate em grande ângulo”, o que obrigou à ativação da “equipa de resgate em montanha dos Bombeiros Voluntários de São Vicente”.

O homem acabou por ser resgatado às 19:36 horas, tendo sido transportado para o Centro de Saúde de São Vicente pela equipa dos Bombeiros Voluntários de São Vicente e Porto Moniz.