Um jovem russo de 22 anos desapareceu hoje na Foz do Douro quando mergulhava com um grupo de amigos da mesma nacionalidade, estando as buscas a decorrer no local, disse à Lusa fonte da polícia marítima do Douro.

«Foram três amigos dar um mergulho e só dois conseguiram sair» das águas, referiu a mesma fonte, segundo a qual o grupo incluía cinco pessoas de nacionalidade russa que se encontra a passar férias no Porto.

O alerta foi dado pelas 17:00 para a Praia do Carneiro, na Foz do Porto, para onde foram mobilizados vários meios de busca para encontrar o jovem desaparecido.

Pelas 20:20 as buscas estavam a ser feitas por um helicóptero, auxiliadas por equipas do Instituto de Socorros a Náufragos e Polícia Marítima nas margens.

As ¿vagas de quatro metros¿ estão, segundo a Polícia Marítima, a impossibilitar a entrada na água de qualquer meio de busca.

Fonte dos bombeiros sapadores do Porto disse à Lusa que foram chamados ao local às 17:52, tendo enviado uma equipa de três mergulhadores que interrompeu as operações às 19:40.

Os dois amigos do jovem desaparecido conseguiram sair ilesos das águas do Douro e já terão regressado ao local onde estão instalados.