A GNR de Cantanhede anunciou esta quarta-feira a apreensão de 5.220 quilos de cobre, alegadamente furtados e a detenção de um homem suspeito de crimes de recetação de metais não preciosos.

A operação do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Cantanhede da GNR, que culminou seis meses de investigação, foi realizada esta quarta-feira com uma busca domiciliária a uma residência no concelho de Mira, onde aquele material foi apreendido, reporta a Lusa.

Na ocasião foi ainda apreendida cerca de uma tonelada de alumínio, 280 quilos de aço inoxidável e 11 baterias, entre outros materiais, refere a GNR, em comunicado.

O detido, um homem de 47 anos que estava referenciado pela prática de crimes de recetação, vai ser presente ao tribunal de Mira, quinta-feira, para primeiro interrogatório judicial.