Há cada vez mais portugueses a roubar para comer

Latas de atum e salsichas estão a substituir produtos de cosmética na lista dos bens furtados

Por: Redação / Sofia Barciela/TVI    |   25 de Janeiro de 2013 às 14:25
Há cada vez mais portugueses a roubar para comer. Latas de atum e salsichas estão a substituir produtos de cosmética na lista dos bens furtados.

A realidade é descrita pela confederação do comércio e tanto PSP como GNR confirmam um aumento dos roubos nos supermercados.

Paulo Crosas tem uma cadeia de supermercados e diz que este tipo de roubo de bens essenciais aumentou nas suas cinco lojas no ano de 2012.

No top dos produtos alimentares mais roubados estão latas de atum e salsichas e, em 32 anos de negócio, só agora se depara com este problema.

A Confederação do Comércio representa 200 mil empresas muitas do sector da alimentação e, apesar de confirmar esta tendência, avisa que os números não podem reflectir a realidade porque muitos casos não chegam a motivar queixa.

A TVI contactou a Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição que representa os hipermercados. A APED ainda está a estudar os produtos que foram roubados em 2012 e adianta que tem reforçado a segurança.
PUB
Partilhar
EM BAIXO: Alimentos
Alimentos

COMENTÁRIOS

PUB
41 buscas ao BES à procura de provas para 5 crimes

A Procuradoria-Geral da República divulgou hoje que as diligências que decorrem no âmbito de um processo-crime “do universo Espírito Santo” têm por base suspeitas de burla qualificada, abuso de confiança, falsificação de documentos, branqueamento e fraude fiscal. A PGR adianta que, no âmbito de investigações, dirigidas pelo Ministério Público, realizam-se durante o dia de hoje várias diligências, designadamente 34 buscas domiciliárias, uma a advogado e seis buscas a entidades relacionadas com o exercício da atividade financeira