As autoridades marítimas de Aveiro prestaram auxílio, neste domingo, a uma embarcação de recreio com dois tripulantes que tinha naufragado junto à entrada do canal de Ovar, na ria de Aveiro, informou a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

Os dois tripulantes da embarcação, do sexo masculino e com cerca de 50 anos, foram resgatados em segurança e sem necessidade de assistência médica. Os dois homens têm nacionalidade portuguesa.

A operação de socorro foi coordenada pelo Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima (PM) de Aveiro.

Em comunicado, a AMN informou que o alerta foi dado via telefónica pelas 11:10, através de contacto telefónico de um popular, para o piquete da Polícia Marítima de Aveiro.

De imediato, foram mobilizados para o local, por mar, uma embarcação da PM e a mota de água de salvamento marítimo da Estação Salva-vidas do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) de Aveiro.”

De acordo com a AMN, no momento do acidente, a embarcação sinistrada estava envolvida na prática da pesca lúdica quando, sob o efeito de ondulação provocada por uma outra embarcação que navegava perto, sofreu “a entrada de água pela alheta de bombordo, que a virou, com a consequente queda dos tripulantes à água”.

Os tripulantes possuíam os coletes envergados, sendo que permaneceram à superfície e junto do casco da embarcação. Ambos foram recolhidos por uma embarcação de recreio que se encontrava na vizinhança”, acrescentou a Autoridade Marítima.

A embarcação da PM, por questões de segurança, acompanhou o reboque da embarcação naufragada até à rampa de S. Jacinto, local onde foi colocada a flutuar e retirada para terra.