A fabricante mundial de doces norte-americana – Mars - ordenou a recolha de produtos em 55 países. Segundo avançam as agências internacionais, um consumidor alemão encontrou plástico dentro de uma barra. Homem encontrou um pedaço de plástico vermelho numa tablete de Snickers comprada a 08 de janeiro na Alemanha.

Roel Gover, porta-voz da Mars da Holanda confirmou à AFP a decisão de "recolha voluntária", mas escusou a avançar mais pormenores. Já um representante da empresa em Portugal, confirmou à TVI que Portugal está incluído na lista.

Entretanto, a Mars Portugal anunciou também que vai promover a recolha voluntária de determinados lotes de chocolates Mars e Snickers do mercado.

“A qualidade e a segurança alimentar são imperativos dos quais a Mars não abdica. Assim, a empresa decidiu promover, por precaução, uma recolha voluntária de determinado lotes das marcas Snickers e Mars”, afirmou a representante portuguesa do grupo alimentar, em comunicado.

A decisão surge depois de um consumidor ter encontrado um pedaço de plástico vermelho numa tablete de Snickers comprada a 08 de janeiro na Alemanha. Após se ter queixado à Mars, verificou-se que o plástico provinha da fábrica em Veghel, de uma capa protetora utilizada no processo de fabrico.

Assim, o grupo decidiu de modo “voluntário” e “por precaução” ordenar a recolha de produtos em vários países, incluindo a maioria dos europeus, como Holanda, Alemanha, França e Reino Unido, bem como o Sri Lanka e o Vietname.

Trata-se da primeira vez que a Mars tem de retirar produtos feitos na fábrica de Veghel, que abriu em 1963 e que emprega 1.200 pessoas.

A Mars Incorporated é um gigante norte-americano do setor agroalimentar, conhecido sobretudo pelos seus chocolates, mas que fabrica também arroz, massas e alimentos para animais domésticos.

Na Alemanha, a retirada inclui as barras Mars e Snickers, os Milky Way Mini e Miniaturas e alguns bombons Celebrations cuja data de validade se situa entre 19 junho 2016 e 08 de janeiro de 2017, segundo um comunicado da Mars Alemanha.

De acordo com a agência holandesa ANP, que cita a filial da Mars na Holanda, os mesmos produtos serão recolhidos neste país.

Em França a retirada diz respeito a “algumas barras de chocolate produzidas na Holanda”: Mars, Snickers e bombons Celebrations, com data de validade até outubro de 2016.

A Mars França informou que se trata “de um incidente isolado e estritamente delimitado, que apenas diz respeito aos produtos mencionados”, aconselhando os consumidores que compraram um dos produtos em causa a não o consumir e contactarem o serviço do cliente.

Mars Incorporated é um gigante norte-americano do setor agroalimentar, conhecido sobretudo pelos seus chocolates, mas que fabrica também arroz, massas e alimentos para animais domésticos.