Notícia atualizada às 19:04

O avião da TAP que aterrou este domingo preventivamente em Cabo Verde, quando vinha do Brasil, deverá sair da ilha do Sal às 07:05 de segunda-feira para regressar a Lisboa, depois de ser sujeito a manutenção durante a noite.

Marcelo: «A TAP está a sair mal vista»

Fonte da TAP disse à agência Lusa que a empresa vai enviar uma equipa de técnicos de manutenção para a ilha do Sal, no voo que sai de Lisboa às 21:00, para resolver a situação.

O voo da TAP que saiu do Recife às 03:25 (hora de Lisboa), com chegada prevista a Lisboa às 11:00, «divergiu para o aeroporto do Sal, em Cabo Verde, hoje às 07:00 (hora de Lisboa)», informou a companhia aérea.

De acordo com a mesma fonte, o comandante do voo «recebeu um sinal de aviso do sistema indicador de fumos na cabina e, ainda que o problema não se tenha efetivamente verificado, decidiu por precaução tomar os procedimentos mais adequados nestas circunstâncias, aterrando no aeroporto mais próximo».

A aterragem decorreu sem incidentes e os 262 passageiros do Airbus A330 desembarcaram e foram encaminhados para hotéis na ilha do Sal para descansarem até poderem retomar o seu voo.