Um homem de 21 anos sofreu hoje, em Fafe, ferimentos graves na parte inferior do corpo, após cair num tanque com água a uma temperatura de 97 graus enquanto trabalhava, avançou à Lusa fonte dos bombeiros.

Segundo a fonte, o operário terá sido assistido no local pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), transportado para o Hospital de Guimarães e, posteriormente, para o Hospital da Prelada, no Porto.

O homem, funcionário de uma empresa de tratamento de alumínio, sofreu queimaduras de 2.º e 3.º grau nos membros inferiores e numa parte do tórax, mas apresenta um “prognóstico favorável”, avançou à Lusa o responsável pela Comunicação do Hospital da Prelada, Luís Pedro Martins.

O operário estava a realizar uma tarefa quando, supostamente, terá escorregado e caído no tanque.