A PSP de Aveiro deteve na última madrugada um homem de 34 anos, que terá agredido polícias e bombeiros que o tentavam socorrer, após se ter automutilado, anunciou aquela força policial.

Segundo a Polícia, o indivíduo foi detido cerca das 05:45, por prática de crimes contra a autoridade pública.

O detido encontrava-se na sua residência, na freguesia da Vera-Cruz, sob licença precária, estando a cumprir pena de prisão no Estabelecimento Prisional da Guarda.

Alegadamente, após uma discussão com alguns familiares, o homem desferiu vários golpes de faca, em diferentes partes do seu corpo.

«À chegada da ambulância, que a mãe do indivíduo solicitou no local, o suspeito agrediu a soco os dois bombeiros, um homem e uma mulher de 22 e 36 anos, que o tentavam socorrer», refere a PSP.

A Polícia foi então chamada ao local, encontrando o suspeito refugiado no canil da residência.

«Ao ser abordado, este reagiu com agressividade contra os polícias, agredindo-os, motivo pelo qual estes recorreram ao uso do gás pimenta, no intuito de o imobilizar», adianta a PSP.

O homem foi depois transportado para o hospital de Aveiro para receber tratamento médico aos ferimentos provocados anteriormente pelas facas, tendo obtido alta hospitalar pouco depois.

Cerca das 14:00, o detido foi presente ao Tribunal de Ílhavo, desconhecendo-se, até ao momento, a medida de coação aplicada.