A PSP do Porto anunciou hoje a detenção, na Maia, distrito do Porto, de seis suspeitos de furtar viaturas para desmantelamento e posterior venda de peças, alegadamente responsáveis pelo furto de pelo menos cinco carros na zona Norte.

Em declarações à Lusa, fonte do Comando Metropolitano do Porto da PSP esclareceu que depois da detenção, feita num armazém enquanto os suspeitos “trabalhavam no desmantelamento de viaturas”, aquela polícia já conseguiu associar os indivíduos a “cinco casos” de furto de veículos, designadamente em Braga, Valongo e Póvoa de Varzim.

Em comunicado, a PSP acrescenta que já foram “constituídos arguidos” três dos seis detidos durante a busca domiciliária feita na Maia na quarta-feira, que resultou na apreensão de três carros.

De acordo com a PSP, os detidos têm idades compreendidas entre os 30 e os 55 anos.

A PSP esclarece que a ação, realizada no concelho da Maia, foi desenvolvida pela Divisão de Investigação Criminal, “na sequência de uma investigação relacionada com furto de veículos”.

“Na sequência da referida ação foi realizada uma busca domiciliária a um armazém. Os identificados foram abordados no interior daquelas instalações quando laboravam no desmantelamento das viaturas”, descreveu a PSP.