A Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve dois homens por suspeita de estarem envolvidos em pelo menos seis crimes de roubo por esticão na zona de Lisboa, anunciou hoje aquela polícia.

No final da semana passada, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão de Investigação Criminal, deteve na Damaia “dois homens, com 33 e 43 anos, suspeitos da prática de pelo menos seis crimes de roubo cometidos através do método do esticão”.

Na noite de quarta-feira, numa rua próxima da Avenida das Forças Armadas, em Lisboa, uma senhora foi assaltada quando tentava entrar no carro, “através de um forte puxão que lhe subtraiu a mala”, refere o gabinete de imprensa da PSP num comunicado enviado para a Lusa.

A polícia conseguiu localizar os dois suspeitos que se encontravam já na zona da Damaia, onde lhes foram apreendidos alguns dos objetos roubados anteriormente.

O modo de atuação utilizado pelos dois assaltantes levou a PSP a suspeitar que “os detidos seriam responsáveis por alguns roubos ocorridos nos últimos dias”, tendo feito “diversas diligências de investigação que possibilitaram relacionar estes detidos com mais cinco crimes de roubo, sendo apreendidos diversos artigos provenientes dos ilícitos praticados, bem como a viatura utilizada na sua consumação”, acrescenta o comunicado.

Os detidos, com antecedentes criminais, foram presentes a tribunal, tendo-lhes sido decretada como medida de coação a prisão preventiva.

(*foto de arquivo)