A PSP deteve, esta segunda-feira de manhã, dois homens, de 21 e 25 anos, suspeitos de serem os autores de 12 roubos, com recurso a arma de fogo, a ourivesarias e a postos de abastecimento de combustível, na Grande Lisboa.

Segundo o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis), os dois elementos foram detidos em flagrante delito, quando se preparavam para roubar, com recurso a arma de fogo, uma ourivesaria no concelho de Odivelas.

Em comunicado, o Cometlis explica que os dois suspeitos obrigaram a proprietária da ourivesaria a entregar-lhes cerca de 300 euros, antes de se porem em fuga num motociclo. Após o alerta dado pela vítima, a polícia montou «um forte dispositivo no terreno» que permitiu a interceção dos detidos numa rua, em Lisboa.

As autoridades apreenderam o motociclo de alta cilindrada - supostamente furtado -, uma arma de alarme, 295 euros, dois capacetes e dois pares de luvas.

Os dois homens, já com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de ilícitos, vão ser presentes, na terça-feira, ao Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.