A PSP de Coimbra desmantelou uma unidade de cultivo de plantas para a produção de estupefacientes. Funcionava numa residência do bairro da Conchada, onde apreendeu 1.500 doses individuais de canábis.

A operação policial ocorreu em dois momentos distintos. Primeiro, os agentes apreenderam o material: as plantas de cannabis e as doses para comercialização, isto no final do mês de agosto.

Mais. Na altura, a PSP apreendeu ainda equipamento utilizado para o cultivo, produção e preparação de substâncias ilícitas. A saber, onze vasos com plantas, treze embalagens de produtos químicos para cultivo, sementes, sete frascos com canábis seca e uma estufa de secagem, para além de um registo diário da produção de estupefacientes.

Uma vez que a residência da Conchada estava vazia na altura da busca, a PSP montou uma ação de vigilância à habitação. Quarta-feira, a ação conduziu à detenção de dois homens, ambos de 26 anos. Um tem residência em Pombal e outro, em Coimbra. São acusados de manter em funcionamento a unidade de produção de estupefacientes.