O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP informou esta quinta-feira que deteve três pessoas durante uma operação especial em que realizou 29 mandados de busca e apreensão de armas, dos quais 14 foram em residências, num bairro de Lisboa.

Segundo um comunicado, esta operação especial aconteceu no âmbito da lei das armas e resultou na «detenção de dois homens e uma mulher, com idades entre os 41 e os 62 anos, pela prática do crime de posse ilegal de armas».

A operação decorreu na passada quarta-feira, no bairro Dr. Alfredo Bensaúde, em Lisboa.

Das buscas realizadas foram apreendidas três pistolas, cinco caçadeiras, um revólver, 47 munições, 257 cartuchos, cinco carregadores e duas cartucheiras.

«Os resultados obtidos foram o culminar de um processo de investigação que perdurava há cerca de um ano», em algumas zonas do bairro Dr. Alfredo Bensaúde, por estarem «amplamente conotados com este tipo de ilícito», refere o mesmo comunicado.

De acordo com a nota, a operação envolveu «um vasto efetivo policial» do Comando Metropolitano de Lisboa, a Divisão de Investigação Criminal e a Divisão de Trânsito, e da Unidade Especial de Polícia da Polícia de Segurança Pública, o Grupo de Operações Especiais, o Corpo de Intervenção e o Grupo Operacional Cinotécnico.

Os três detidos serão presentes, durante o dia de hoje, ao Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa para primeiro interrogatório judicial e aplicação das respetivas medidas de coação, informou a PSP.