O incêndio que deflagrou na tarde de sábado na Covilhã, no distrito de Castelo Branco, foi esta terça-feira dado como dominado, indicou a Proteção Civil.

O fogo entrou em resolução (sem “perigo de propagação para além do perímetro já atingido”) pelas 03:37, disse fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) à agência Lusa.

Apesar de dominado, o incêndio ainda mobilizava, pelas 07:00, o maior número de meios: 347 operacionais, apoiados por uma centena de viaturas.

Este incêndio, que deflagrou ao início da tarde de sábado em Barrigais, freguesia de Covilhã e Canhoso, foi dado como dominado na noite de domingo e sofreu na segunda-feira uma reativação.

Dominado estava também o incêndio em São Pedro do Sul, no distrito de Viseu, onde permaneciam 98 homens e 28 meios terrestres, segundo o ‘site’ da ANPC.

Pelas 07:00 continuavam ativos três incêndios de grande dimensão, dois dos quais no distrito de Braga.

O fogo, com duas frentes, no concelho de Terras de Bouro era combatido por 130 operacionais e 33 viaturas. O incêndio em Cabeceiras de Basto juntava 91 homens, apoiados por 30 veículos.

Pela mesma hora, o incêndio em Melgaço, no distrito de Viana do Castelo, tinha 112 operacionais e 33 meios terrestres no combate a uma frente.