Dois homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 19 e os 51 anos, ficaram em prisão preventiva, depois de terem sido detidos pela prática de vários roubos em Lisboa, foi este sábado anunciado.

As detenções foram realizadas pela Divisão de Investigação Criminal do Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública (PSP) no início da semana, culminando duas investigações.

Segundo a PSP, um dos suspeitos atuava isolado, enquanto outros roubos eram praticados por um casal, que «não se coibia de recorrer constantemente à violência para atingir os seus objetivos».

«Os detidos, sob vigilância desde meados do presente ano, são suspeitos de terem cometido vários crimes de roubo em coautoria, e individualmente, usando arma branca ou a força física, na área de Lisboa, mais concretamente nas zonas do Castelo de S. Jorge e Cais do Sodré, sendo que os roubos praticados na zona do Castelo tinham turistas como vítimas privilegiadas», referiu a PSP, em comunicado, nota a Lusa.

Na altura das detenções, foram apreendidas duas navalhas, «supostamente usadas nos ilícitos criminais».