A barra marítima de São Martinho do Porto está ncerrada esta sexta-feira à navegação e outras duas estão condicionadas devido ao estado alteroso do mar, segundo informação disponível na página da Marinha na Internet.

Bom tempo e agitação marítima, uma mistura que exige cautelas. Estamos no outono e já não há vigilância nas praias, por isso, já na quinta-feira, a Marinha deixou um alerta à população, aconselhando os banhistas a redobrarem os cuidados de segurança

De acordo com a Marinha, a barra marítima de São Martinho do Porto está fechada a toda a navegação, enquanto a da Póvoa do Varzim está condicionada a embarcações com calado superior a dois metros, duas horas antes e duas horas depois da baixa-mar devido à previsão de agitação marítima.

A barra de Vila do Conde também está condicionada e a Marinha aconselha as embarcações até 12 metros de comprimento e/ou calado inferior a dois metros a praticar a barra no período compreendido entre as três horas antes e três horas após da preia-mar.

Para as embarcações com comprimento superior a 12 metros e/ou calado superior a dois metros apenas podem praticar a barra no período da preia-mar.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje na costa ocidental ondas de noroeste com 2,5 a 3,5 metros e na costa sul estão previstas ondas de sueste com um metro.

A temperatura da água do mar vai rondar os 22 graus, acrescenta a Lusa.

As temperaturas máximas vão baixar quatro a seis graus a partir de sábado, em especial nas regiões do litoral norte e centro, disse hoje à Lusa o meteorologista Ricardo Tavares, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

«As temperaturas máximas vão descer amanhã [sábado] um pouco por todo o território, sendo mais acentuado nas regiões do litoral norte e centro. Estamos a falar de uma descida da ordem dos 4 a 6 graus Celsius naquelas regiões e no resto do país 2 a 3 graus», adiantou Ricardo Tavares.

De acordo com o meteorologista do IPMA, a tendência para os próximos dias vai ser de continuação de descida da temperatura.

O IPMA prevê para hoje céu pouco nublado ou limpo, aumentando temporariamente de nebulosidade nas regiões centro e sul durante a tarde, em especial no interior, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros.

«Está também prevista neblina ou nevoeiro matinal e vento fraco», adiantou o meteorologista do IPMA.

Ricardo Tavares salientou que as temperaturas para hoje não vão sofrer alterações em relação ao dia de quinta-feira, estando previstas máximas na ordem dos 30 graus em Lisboa e um pouco mais altas no Alentejo.

Para sábado, as previsões são de céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral oeste, em especial a norte do cabo Raso, até meio da manhã, com possibilidade de ocorrência de períodos de chuva fraca.

Ricardo Tavares disse ainda que está previsto um aumento da nebulosidade no litoral a norte do Cabo Mondego e descida da temperatura máxima.